A ORIGEM DOS WAFFLES

0
2204

Muitos desconhecem a verdadeira origem dos Waffles. Eles foram criados na Bélgica, e posteriormente conquistaram a Europa e adotados pelos norte-americanos.

Simples e deliciosos, os Waffles são impossíveis de recusar…

Os Waffles incluem na sua família as panquecas e os crepes. Na verdade, as massas são muito parecidas pelo que diferem apenas na quantidade de cada ingrediente, no modo de preparo e claro… nos segredos de cada cozinheiro!

waffles-1

Compostos essencialmente por farinha, açúcar, fermento, sal, leite e óleo (de preferência manteiga) – ovos são opcionais – e com uma variedade de combinações, surgem as massa finas ou mais grossas, crocantes ou mais fofas.

No caso dos Waffles, o resultado é um “pãozinho” com jeito de biscoito, e com aquela típica forma “esburacada”, ideal para receberem todo o tipo de coberturas de que mais gosta. São várias as horas do dia que podem ser combinadas com um bom waffle.

waffles-2

No pequeno-almoço, como sobremesa ou mesmo na hora do lanche, torna-se muito difícil recusar esta iguaria. De origem belga, foi rápida a sua divulgação pela europa inteira, mas a sua grande explosão foi mesmo nos EUA, onde se tornou num alimento fundamental no pequeno-almoço de qualquer americano.

waffles-3

Com o tempo, as receitas foram alteradas e conquistaram paladares pelo mundo inteiro. Hoje existem versões para todos os gostos: doces e salgados, simples ou recheados.

Os salgados acompanham bem ovos, com manteiga ou requeijão cremoso. A massa pode ser feita com queijos amarelos, queijo ricota e até batata.

Já a massa para waffles doces é tradicionalmente mais neutra, por isso vai bem com acompanhamentos doces como calda de chocolate, calda de frutas, frutas frescas, geleias, mel, sorvete entre outros.

waffles-4

E quando tudo estiver pronto… está na hora de se deliciar!

Sirva os seus waffles com orgulho, esqueça a dieta por um dia e entregue-se à gula sem culpa – vale a pena.

 

DEIXE UMA RESPOSTA