Como escolher a cor certa para as paredes da tua casa?

0
894

Pintares as divisões da tua casa, pode ser uma tarefa dífícil.

Claro que existem profissionais que o fazem com uma perna às costas, mas não tem nada melhor do que seres tu mesma a fazê-lo e sentires a satisafação a dobrar.

Normalmente, começamos por escolher a cor da tinta, certo? Este primeiro passo, nem sempre é o mais fácil. Muitas vezes acabamos por escolher uma cor que de início achamos fabulosa, mas depois percebemos (no fim do trabalho e do dinheiro gasto) que afinal, não foi a escolha mais acertada.

Não sou profissional nem lá perto, mas após várias leituras e investigações online, acabei por descobrir algumas técnicas que te irão ajudar a escolher a cor da tinta certa para a tua casa.

Identifica-te

Antes de mais, deves de saber que tipo de ambiente te agrada mais. Como podes fazer isso? É fácil.

Hoje em dia existem diversos sites online onde podes procurar ajuda. Eu utilizo o Pinterest. Primeiro porque me dá imensas ideias maravilhosas a nível de decoração e depois tens muito opção de escolha. Eu comecei por criar dois álbuns:

um com uma decoração mais ousada e paredes mais coloridas

paredes-escuras

… e outro com tons mais neutros.

paredes-claras

Começa a procurar por “decoração de casa” ou “home decor” e entre os pins que te aparecerem, faz uma selação dos que mais te agradarem. Faz a tua avaliação.

Pega pistas da tua decoração

Procura cores que complementem as cores do teu mobiliário, tapetes, pisos, e tecidos, mas certifica-te de não sobrecarregares o ambiente.

Se tens um tapete mais forte numa divisão, provavelmente não deverás de pintar as paredes dessa divisão com cores igualmente fortes. Deixa o tapete ser o ponto focal, e mantém as paredes numa cor neutra e calma. Se por outro lado, preferires dar às paredes um ponto focal, então opta por uma decoração mais simples.

Também podes optar por dar o ponto focal em acessórios decorativos, como candeeiros ou almofadas, e manteres as tuas paredes neutras ou com tons suaves.

ponto-focal
Outra coisa a ter em mente é que as cores escuras criam uma certa quantidade de “calor”, mas também podem tornar um espaço pequeno, em um ainda menor.

Ao contrário, as cores claras tendem a abrir mais um espaço e torná-lo maior do que realmente é.

Usa os neutros para versatilidade

Neutros são simples e clássicos, e funcionam com praticamente qualquer coisa. Ao manter a tinta neutra, ganhas espaço de manobra para “brincares” um pouco com os outros itens na divisão, como por exemplo, arte nas paredes, tecidos e tapetes.

Usa as amostras de catálogos

Na hora de escolheres a cor para pintares as tuas paredes, um dos primeiros erros que deves de evitar é escolher a cor na loja, sob a pressão do momento.

palete-de-cores

Muitas lojas de tinta, têm amostras de cores em catálogos, que poderás trazer para casa para decidires com mais calma e visualizares a cor na divisão certa.

Também deves de evitar escolher a cor à tarde e muito menos à noite. Utiliza as primeiras luzes do dia para veres sem margem de erro a cor correta.

Entende os tons de cores.

Uma vez que trouxeste as amostras para casa, vais precisar de começar a eliminá-las, e para isso tens que entender bem as suas tonalidades.

A melhor maneira de descobrir a verdadeira tonalidade da cor é olhar para a cor mais escura na amostra e depois para a mais clara.

Compara as cores com algo realmente branco(como um pedaço de papel branco). Aquela amostra que te parece branco, pode ser na verdade um rosa muito clarinho ou mesmo um beje.

Uma vez que descobriste qual o tom que te agrada mais, fica mais fácil diminuir as opções.

Usa amostras de tinta

Uma vez que as tuas opções estão reduzidas ao máximo, opta por comprar umas latas de amostra para aplicares na divisão e teres uma melhor ideia do aspeto final.

Aplica os tons indecisos na parede com algumas pinceladas e depois faz a tua escolha.

Vais pintar tudo por cima no final, por isso não terás qualquer problema.

amostras-pintadas

Olha para a pintura em luzes diferentes.

A pintura pode parecer muito diferente nas várias alturas do dia e com base na iluminação da tua casa.

Regra geral, a luz natural mostra mais a cor verdadeira da pintura do que a iluminação artificial, pois traz alguns tons quentes e amarelados à tonalidade.

DEIXE UMA RESPOSTA